TikTok muda política de privacidade para usuários dos EUA e pode coletar dados biométricos dos norte-americanos


Compartilhar icone facebook icone twitter icone whatsapp icone linkedin icone email

Na última quarta-feira (02), o famoso aplicativo TikTok apresentou mudança em sua política de privacidade aplicada aos Estados Unidos. Foi incluída seção por meio da qual o aplicativo informa que dados biométricos podem ser coletados dos seus usuários. Apesar de informar que dados como impressões faciais e de voz serão coletados, o TikTok não indicou para qual finalidade tal coleta de dados ocorreria, se limitando a indicar que, nesses casos, buscará as permissões exigidas pela legislação (que, no caso do Estados Unidos, é fragmentada entre os Estados).

Até o momento, o TikTok não se manifestou oficialmente sobre a expansão dessa nova abordagem. A política de privacidade do aplicativo para o Brasil não é atualizada desde junho de 2020. Mas esse assunto merece atenção!

No Brasil, dados biométricos são categorizados como dados pessoais sensíveis. As hipóteses de tratamento autorizadas pela LGPD para tais dados são reduzidas, e sobre eles devem incidir cautelas específicas.

 

« Voltar

últimas notícias relacionadas STARTUPS: